in

Cabo Daciolo anuncia pré-candidatura à presidência em 2022: “Glória a Deus”

Cabo Daciolo e a presidente do Brasil 35, Suêd Haidar - Foto: Divulgação

O bombeiro militar e pastor evangélico Cabo Daciolo, de 45 anos, famoso por seu bordão “Glória a Deus”, se filiou ao partido Brasil 35, antigo Partido da Mulher Brasileira (PMB), e lançou sua candidatura para presidente em 2022. O anúncio foi feito por ele na última sexta-feira (29/10).

Vale lembrar que Cabo Daciolo ficou em sexto colocado na corrida eleitoral à Presidência da República em 2018. Na época, Daciolo afirmou, entre outras coisas, que se fosse eleito presidente do Brasil, iria expulsar o demônio da Praça dos Três Poderes.

Na última sexta afirmou que irá começar os preparativos para concorrer novamente ao Planalto. Ele disse que se for eleito presidente em 2022, prenderá o ministro da Economia Paulo Guedes.

“Eu quero deixar um recado bem claro para o sr. Paulo Guedes… Uma vez o Cabo Daciolo presidente, varão, você ai ser preso, varão! E eu vou falar porquê. Você é um traidor da pátria! Você tá matando o nosso povo! Você, no início do teu governo, você falou que se o dólar chegasse a 5 reais é porque fizemos muita coisa errada. E nós já estamos falando de R$ 5,60. Meu irmão, pede para sair e vai cuidar das tuas empresas lá no paraíso fiscal”, disse Cabo Daciolo no evento transmitido em suas redes sociais.

Segundo ele, o povo brasileiro voltará a ter orgulho de nossa nação: “Pela mudança! Glória a Deus”.

Em 2018, Daciolo concorreu pelo Patriota e teve 1.348.229 votos (1,26% do total). Ele terminou à frente de nomes como Marina Silva (Rede), Álvaro Dias (Podemos) e Henrique Meirelles (MDB) — que investiu R$ 54 milhões do próprio bolso em sua campanha.

Escrito Por

Jornalista do Portal do Trono nascido em Belo Horizonte, em Minas Gerais. Admirador da Rádio, TV e Internet. Contato: (31) 99583-5239.

Bispa do “pastor tá comendo as meninas” se manifesta após viralizar na web

Thammy Miranda e esposa são batizados em igreja evangélica: “Cristo vive em mim”