in

Com Covid-19, Drummond Lacerda arrecada R$ 275 mil para ‘pulmão artificial’

Drummond Lacerda - Foto: Samira Gonçalves Guimarães

O pastor Drummond Lacerda, do Ministério Vento No Fogo, continua lutando pela vida, após contrair a Covid-19. Ele está internado no Hospital Belo Horizonte, na capital mineira, há 12 dias e seu estado de saúde continua grave.

Publicidade

Na segunda-feira (23/08), os médicos tiveram que aumentar o oxigênio para 60% e a saturação do religioso baixou para 88%. Entretanto, ele não teve febre e os exames permanecem negativos para possíveis bactérias.

Nesta terça-feira (24/08), familiares e amigos de Drummond Lacerda montaram uma campanha para arrecadar R$ 275 mil e assim realizar o tratamento com Oxigenação por Membrana Extracorpórea ECMO. Mas, no fim do dia, a esposa do pastor anunciou que conseguiu a quantia em menos de 24 horas do início a campanha e comemorou:

Publicidade

“Estamos sem palavras para tudo que Deus tem feito. Obrigado a vocês que compartilharam ou que ajudaram com algum recurso. A união faz a força, e agradecemos de todo coração por essa força! “Vocês fazem parte desse novo tempo, desse novo ar, do recomeço!”, diz Raquel Cabral, esposa de Drummond Lacerda.

ECMO

O tratamento em ECMO, mais conhecido como ‘pulmão artificial’ consiste na retirada do sangue através de uma veia para uma bomba e por uma membrana artificial, que faz a função do pulmão. A técnica ajuda a eliminar o gás carbônico e a oxigenar o sangue, que então é devolvido para o organismo. Com isso, aumenta a chance de recuperação do paciente com a Covid-19, no novo coronavírus.

Drummond Lacerda mora em Belo Horizonte, MG, e congrega na Igreja Batista da Lagoinha. Além disso, também atua como pastor escritor, conferencista do Ministério Vento no Fogo. Além disso, é professor no Seminário Teológico Carisma da Igreja Batista da Lagoinha.

Publicidade

Publicidade

Morre aos 59 anos Túlio Régis, cofundador da Banda gospel Oficina G3

Após separação, Sammy e Pyong Lee vão para retiro espiritual, em MG