in

Após Bolsonaro dizer que ‘só Deus o tira da cadeira’, embaixador da China publica que ‘Deus é o povo’

Yang Wanming e Jair Bolsonaro - Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Yang Wanming, embaixador da China no Brasil, causou polêmica ao escrever na sua conta no Twitter que o “povo é Deus”. O tweet foi feito por ele no último domingo (18/07), e veio horas depois que o presidente Jair Bolsonaro disser que só Deus o tiraria do Palácio do Planalto.

Publicidade

A declaração do presidente foi feita ao deixar o Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, depois de quatro dias internado para tratar uma obstrução intestinal. Na saída, Bolsonaro atacou a CPI da Covid-19, comissão parlamentar de inquérito formada para investigar a gestão governamental da crise sanitária e suspeitas de corrupção na compra de vacinas envolvendo.

“Querem derrubar o governo? Já disse, só Deus me tira daquela cadeira. Será que não entenderam que só Deus me tira daquela cadeira”, disse Bolsonaro aos jornalistas.

Publicidade

Horas depois, o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, fez uma publicação no seu Twitter dizendo: “Quem é Deus? O Povo é Deus, é o povo que faz a história e determina a história”. A postagem foi considerada por muitos como uma resposta à fala de Bolsonaro.

Publicidade

McDonald’s insere livro LGBT como brinde em lanche para crianças

Sara, mãe de Rebeca e Jonathan Nemer, deixa a UTI após 104 dias