in

Conheça Hello Kitty, ex-cantora gospel que foi morta em operação no Rio

Rayane Nazareth Cardozo da Silveira - Foto: Reprodução/Facebook

Bombou na internet nos últimos dias a morte da jovem Hello Kitty, de 21 anos, após uma operação policial na cidade de São Gonçalo, no Rio de Janeiro, na última sexta-feira (16). Ela, que já foi cantora gospel, era muito conhecida do tráfico da Região Metropolitana do Rio.

Publicidade

Hello Kitty era o codinome de Rayane Nazareth Cardoso da Silveira, de apenas 21 anos, e que mesmo com a pouca idade, já tinha histórico de vários crimes cometidos em Niterói e São Gonçalo. Além disso, ostentava fotos armadas em suas redes sociais. Mas, na última sexta-feira (16), Rayane teve a sua carreira no mundo do crime encerrada durante operação da Polícia Militar no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo.

Segundo a Polícia Militar, a corporação foi à comunidade para checar denúncia sobre uma família que estaria sendo feita refém. No entanto, encontraram Hello Kitty e seu mentor, Alessandro Luiz Vieira Moura, mais conhecido como ‘Vinte Anos’. Os dois entraram em confronto com a PM e acabaram sendo atingidos morrendo logo em seguida.

Publicidade

DA IGREJA PARA O MUNDO DO CRIME

A Polícia Militar disse que Hello Kitty era a principal parceira de ‘Vinte Anos’, líder do tráfico local. Ela era investigada por crimes que vão de roubos a homicídios. Nas redes sociais, onde gostava de se exibir, há registros dela aos 15 anos já mostrando armas.

Entretanto, em 2015, Rayane tentou deixar o mundo do crime e passou a frequentar uma igreja evangélica junto com parentes e amigos. Ela descobriu o dom de cantar e se tornou cantora gospel. Mas, meses depois, em 2016, voltou à vida do crime. Teve um filho e em 2018 Hello Kitty entrou na mira da polícia por uma série de roubos.

Ela morou no Morro do Sabão, também em São Gonçalo, e depois foi para a Nova Grécia, onde morava sua família. Lá, conheceu o chefe do tráfico, o ‘Vinte Anos’, onde se tornou gerente geral do tráfico no Complexo do Salgueiro. Os dois foram mortos pela Polícia na sexta-feira.

Em 2020, o Portal dos Procurados oferecia uma recompensa de R$ 1 mil por informações sobre Hello Kitty. Ela era considerada uma das criminosas mais procuradas do estado do Rio de Janeiro.

Publicidade

“Ela perpetrou vários roubos com o comparsa que faleceu em Minas Gerais, o namorado dela. Depois, ela se refugiou em comunidades em São Gonçalo e passou a atuar efetivamente como um braço do tráfico de drogas”, disse a delegada Camila Lourenço, da 78ª DP em 2020.

Portal dos Procurados, oferecia uma recompensa de R$ 1 mil por informações sobre Hello Kitty.

Publicidade

Escrito Por

Editor-chefe do Portal do Trono. Cristão, jornalista e empreendedor de BH/MG. Amante da arte, comunicação e jornalismo. Pronto para servir o povo cristão com excelência.

Cantor Bruno Átyla se destaca por louvar nas ruas; vídeos já somam mais de 10 milhões de views

Filha do presidente da Quadrangular em MG morre após queda de deck de restaurante