in

Homem mata duas pessoas, deixa versículo de ‘Jó’ e tira a própria vida

Mensagem foi deixada na parede - Foto: Divulgação PM

Um homem é acusado de matar o ex-cunhado e o atual namorado da ex-companheira dele na cidade de Astolfo Dutra, na Zona da Mata mineira. Além disso, ele teria cometido suicídio depois dos crimes.

Publicidade

Segundo a Polícia Militar, o homem, identificado como Paulo César Barroso, invadiu a casa do ex-cunhado, Matheus de Souza Faria, de 22 anos, e efetuou 3 disparos de arma de fogo contra ele. O fato aconteceu por volta das 23h40 desta segunda-feira (16/08). Ele fugiu em uma motocicleta, enquanto a vítima morreu no local.

A companheira da vítima, que tem 19 anos, disse à polícia que o suspeito chegou em sua casa armado e mandou ela entrar no banheiro do imóvel com os dois filhos, de dois e três anos. Logo em seguida, ela disse que ouviu três disparos.

Publicidade

Durante as diligências policiais, a mulher acrescentou que a motivação para o crime estaria relacionada ao fato do jovem viver em constante atrito com o suspeito e ex-cunhado, já que a irmã dele teria, supostamente, sido agredida fisicamente diversas vezes pelo suposto autor do homicídio.

Depois disso, na manhã do dia seguinte (17/08), em outro ponto da cidade, o homem teria matado o atual namorado da ex-companheira, identificado como José Pinto da Silva. A vítima foi encontrada com sinais de violência pelo corpo e as pernas amarradas.

Na casa onde ele cometeu o primeiro crime, o homem teria deixado uma mensagem bíblica antes de tirar a própria vida. Na parede do quarto, estava escrita a mensagem bíblica “Jó 38.11″: “E eu lhe disse: ‘Você chegará até este ponto e daqui não passará. As suas altas ondas pararão aqui'”.

Depois dos crimes, o homem, de 36 anos, foi encontrado caído, sem vida, e com uma perfuração por arma de fogo na cabeça nas proximidades do Cemitério Municipal de Astolfo Dutra. Os policiais identificaram a mesma citação da bíblia escrita em um muro da calçada onde ele foi encontrado morto.

Publicidade

Além disso, um morador da rua foi ver o corpo caído na rua e enfartou no local, sendo socorrido em estado grave pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU. Não há informações atualizadas sobre o seu estado de saúde. A PM acredita que ele tenha se suicidado. O caso vai ser encaminhado para apuração pela Polícia Civil.

Matheus, à esquerda, foi atingido por Paulo César (direita) que tirou a própria vida – Foto: Polícia Militar/Divulgação

Publicidade

Morre pastor presidente da AD de Sete Lagoas (MG), vítima da Covid-19

Claudio Duarte convoca cristãos para o 7 de setembro: “Estamos à beira de uma guerra civil”