in

Marco Feliciano deve indenizar Jean Wyllys por associá-lo a facada em Bolsonaro

Marco Feliciano e Jean Wyllys - Foto: Reprodução

A Justiça do Rio de Janeiro determinou que pastor da Assembleia de Deus, Marco Feliciano, pague uma indenização por danos morais à Jean Wyllys. A ação foi motivada pelo ex-deputado após o pastor publicar nas redes sociais uma mensagem associando Jean a Adélio Bispo.

Publicidade

Em abril de 2020 o pastor e deputado federal por São Paulo, Marco Feliciano, postou uma mensagem em sua conta oficial no Twitter associando Wyllys a Adélio Bispo, que tentou matar Jair Bolsonaro com uma facada durante a campanha presidencial, em 2018.

A juíza Fernanda Rosado de Souza, do 5º Juizado Especial Cível do TJ do Rio, julgou o processo e estabeleceu uma indenização de R$ 41,8 mil por danos morais. Além disso, Feliciano terá que pedir desculpas à Wyllys, caso contrário, será alvo de multa de R$ 20 mil. A decisão ainda cabe recurso.

Publicidade

Segundo a juíza, Marco Feliciano não provou na Justiça que o ex-deputado teve participação na facada recebida pelo presidente Jair Bolsonaro. Ela alegou que o pastor teve a intenção de caluniar Wyllys ao publicar tal afirmativa. Feliciano ainda não se manifestou sobre a decisão.

“Segundo @oswaldojunior, EM DEPOIMENTO À PF, TESTEMUNGA (sic) REVELA QUE ADÉLIO BISPO ESTEVE NO GABINETE DE JEAN WYLLYS. No dia do atentado alguém deu entrada na Câmara dos Deputados c/a identidade de Adélio. Jean renunciou mandato e saiu do país após eleição…”, declarou Feliciano em abril de 2020, compartilhando link do site Renews.

Depois da postagem, o ex-deputado do PT foi à Justiça, afirmando que a notícia era falsa, uma vez que a Polícia Federal, em dois inquéritos, concluiu que Adélio Bispo agiu sozinho e sem mandantes.

Publicidade

Publicidade

Escrito Por

Editor-chefe do Portal do Trono. Cristão, jornalista e empreendedor de BH/MG. Amante da arte, comunicação e jornalismo. Pronto para servir o povo cristão com excelência.

Vaza suposta conversa entre o cantor Samuel Mariano e mulher casada

Pastor revela que Lázaro Barbosa foi visitado por demônios antes de morrer