in

Otoni de Paula terá que indenizar Moraes em R$ 50 mil por ofensas

Otoni de Paula e Alexandre de Moraes - Foto: Reprodução

O pastor e deputado federal Otoni de Paula (PSC-RJ), foi condenado a pagar R$ 50 mil de indenização para o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), após ofendê-lo nas redes sociais, chamando-o de “cabeça de ovo”, “cabeça de piroca”, “lixo” e “esgoto”. A decisão é da 5ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo.

Na ação, o ministro Alexandre de Moraes alegou que Otoni de Paula propagou conteúdo ofensivo nas mídias sociais que causaram graves danos à sua honra e imagem.

Para o magistrado da 44ª Vara Cível de São Paulo, o comportamento ofensivo de Otoni de Paula ultrapassou os limites da manifestação. Como resultado, fixou uma indenização de R$ 70 mil reais.

Otoni de Paula recorrido da sentença da 44ª Vara Cível de São Paulo e alegou que publicou os vídeos fora do Congresso, mas que estaria abrangido pela imunidade parlamentar.

O desembargador manteve a condenação anterior, da 44ª Vara Cível de SP, mas reduziu o valor da reparação em R$ 50 mil, que antes era de R$ 70 mil.

Na análise do recurso, o desembargador Mônaco da Silva, relator do caso, ponderou que as expressões ofensivas “cabeça de piroca” e “cabeça de ovo” constantes das manifestações do parlamentar nas mídias sociais não podem ser consideradas um mero dissabor e tampouco conduta de caráter inofensivo, existindo efetiva lesão à honra.

“Não bastasse isso, não guardam pertinência e/ou nexo causal com o exercício do mandato, extrapolando a atividade parlamentar exercida”, afirmou.

“E mais, a liberdade de expressão deve ser exercida com consciência e responsabilidade, em respeito a outros valores igualmente importantes e protegidos pelo texto constitucional, quais sejam, a dignidade da pessoa humana, a intimidade, a vida privada e, sobretudo, a honra e a imagem, que, uma vez expostas de forma vexatória, reclamam a devida reparação”, disse o relator.

Publicidade

Escrito Por

Jornalista do Portal do Trono nascido em Belo Horizonte, em Minas Gerais. Admirador da Rádio, TV e Internet. Contato: (31) 99583-5239.

Pastor Jackson Vilar pede perdão a Bolsonaro após chamá-lo de “frouxo”

Rapper AMDK lança “Evangelho das Ruas” declarando que Jesus é o Salvador