in

Pastor é preso após agredir esposa e filha e colocar fogo na própria casa

Casa é incendiada em Maricá, RJ, após homem brigar com família e atear fogo - Foto: Reprodução

Um pastor evangélico de 56 anos, que não teve o nome revelado, foi preso em flagrante após agredir sua esposa e sua filha. Além disso, o homem colocou fogo na casa onde elas estavam. O caso aconteceu em Maricá, no Rio de Janeiro.

Publicidade

Segundo testemunhas, o homem, que é pastor evangélico, tinha histórico de violência doméstica. Segundo a polícia, houve uma briga por problemas familiares, depois disso, ele teria agredido a esposa, de 52 anos, e a filha do casal, de 25. Logo em seguida, ele teria colocado fogo em um dos quartos. As informações são da TV Globo.

O Corpo de Bombeiros foi chamado para controlar o incêndio. No local ainda os militares conseguiram retirar a sogra do homem, uma idosa cadeirante de 83 anos. A idosa e as duas mulheres não se feriram no incêndio. Segundo a TV Globo, o homem se feriu ao cair de um muro tentando apagar o fogo e ficou internado sob custódia, mas já teve alta.

Publicidade

Ele foi preso em flagrante pela Polícia Civil por tentativa de homicídio, lesão corporal e vias de fato. A 82ª Delegacia de Polícia da cidade de Maricá está investigando o caso.

Imagem: Anna Beatriz Lourenço

Publicidade

Pastora Sarah Sheeva sai em defesa de Fernandinho: “Falou só a pontinha do iceberg”

Cantor gospel Isaias Saad recebe ameaças após manifestação