in

Preso nesta sexta, Roberto Jefferson se batizou nas águas em maio

Ex-deputado Roberto Jefferson se batizou nas águas em maio - Foto: Reprodução

O ex-deputado federal e atual presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, de 68 anos, foi preso nesta sexta-feira (13/08), pela Polícia Federal. O advogado é acusado de participação em uma organização criminosa digital montada para promover ataques à democracia.

Publicidade

A prisão preventiva partiu do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que determinou também o cumprimento de busca e apreensão contra Jefferson. A prisão tem repercutido nas redes sociais. Muitos afirmaram que a prisão extrapolou os limites do Estado Democrático de Direito.

O pedido de prisão partiu da Polícia Federal, que detectou a atuação de Jefferson em uma espécie de milícia digital que tem feito ataques aos ministros do Supremo e às instituições. A PF listou diversos vídeos e publicações dele em redes sociais com esses ataques, que fundamentaram o pedido de prisão. Após a prisão de Roberto Jefferson, sua conta oficial do Twitter saiu do ar, também como determinação de Moraes.

Publicidade

No dia 15 de maio, Roberto Jefferson se batizou em uma igreja evangélica, no Rio de Janeiro. Fotos e vídeos da cerimônia foram compartilhados pelo político em suas redes sociais. O evento aconteceu na Assembleia De Deus Ministério Tempo De Renascer.

Naquela ocasião, ele escreveu: “Eu me arrependo. Deus perdoe meus erros”, disse ele publicando uma série de vídeos do seu batismo.

Roberto Jefferson ficou nacionalmente conhecido por seu envolvimento no esquema de corrupção chamado de mensalão, do qual participou e que foi o primeiro a denunciar. Ele foi condenado pelo STF, mas teve sua pena reduzida por colaborar nas investigações.

Publicidade

Publicidade

Samuel Câmara, pastor da AD, canta música de Roberto Carlos durante culto

Artistas gospel prestigiam festa de aniversário da dona da MK Music